Ir diréctamente al contenido

Ajudando

À procura de voluntários?, Entre na seção Fundações

Já é um membro? Entre com seu login e senha

A Comunidade de Trabalho Líder da América Latina, agora no Brasil. Cadastre seu currículo em Trabalhando.com

Ação voluntária amplia cidadania

Data de publicação 31/01/2012

"Eu sou voluntário porque eu quero um mundo melhor, e sei que só podemos alcançá-lo juntos”

A frase de Flávio Lopes Ribeiro, dita durante Assembleia Geral da ONU no dia 5 de dezembro de 2011, resume a motivação do psicólogo que trabalha atualmente como voluntário em um projeto de cooperação do governo brasileiro e do programa de Voluntários das Nações Unidas (VNU) em El Salvador.

“Estou trabalhando para aliviar o sofrimento humano, em contato próximo com pessoas que estão privadas de comida e são vítimas de preconceito, violência e pobreza. Isto é o que os voluntários fazem: doamos nossa energia e habilidades pessoais como um pequeno presente para o mundo, e o que nós recebemos de volta está além das palavras”, disse.

O que leva Flávio a praticar o voluntariado (vocação, esperança, solidariedade), a forma como ele desenvolve esse trabalho, através de um programa da ONU, e os caminhos que o levaram a praticá-lo formam apenas um dos muitos conjuntos de razões que norteiam a ação voluntária. É o que constata um estudo recente chamado Broadening Civic Space through Voluntary Action (Ampliando o Espaço Cívico através da Ação Voluntária), realizado em conjunto pelo programa VNU e pela Civicus: Aliança Mundial para a Participação Cidadã.

O relatório aponta que 2011, ano em que foi comemorado o décimo aniversário do Ano Internacional dos Voluntários (AIV+10), viu um aumento do voluntariado em suas diferentes formas em muitos países ao redor do mundo. A publicação destaca exemplos recentes de como o voluntariado socialmente orientado foi conectado ao ativismo direcionado para a mudança, caso das mobilizações populares deflagradas pela crise internacional, como a Primavera Árabe, o movimento Occupy Wall Street (Ocupe Wall Street) e os diversos protestos no Chile, Grécia, Espanha e Malawi, entre outros.

A publicação também explora como a ação voluntária informal, realizada fora de organizações, pode: levar a uma maior participação dos cidadãos no processo de governança; servir como recurso para ajudar as organizações da sociedade civil a explorar as oportunidades para o engajamento; e sugerir como ambos – ação cidadã voluntária informal e ativismo social dentro das organizações da sociedade civil – podem ser fortalecidos.

O material conclui que os legisladores, doadores, líderes de ONGs e outros envolvidos com a sociedade civil devem ver o voluntariado como uma parte valiosa de um espectro de participação e ativismo social. Isso encoraja um entendimento de que as pessoas se voluntariam por diversas razões, através de uma série de caminhos e a serviço de uma grande variedade de objetivos.

Afirma, ainda, que os principais interessados precisam ter uma compreensão ampla do que constitui a ação voluntária. Este entendimento deve incluir uma gama de possibilidades, que vai desde funções formais de voluntariado em diferentes organizações, serviços menos formais de voluntariado para a comunidade, voluntariado online e até momentos individuais de ativismo.

No Brasil, segundo a análise de Flávio, o voluntariado ainda é pouco difundido. “As pessoas precisam entender qual é a questão central que envolve este tipo de trabalho: o empoderamento social. “Precisamos fortalecer o desenvolvimento social do Brasil, e isso se faz trabalhando em conjunto pelo bem da comunidade. Melhorando a vida alheia estaremos contribuindo para melhorar também a nossa vida.”

Saiba mais

Acesse aqui a publicação Broadening Civic Space through Voluntary Action

(PNUD Brasil)

Acesso Voluntários

Lembrar senha |  Cadastrar CV

Se você não possui uma conta no ajudando.org cadastre-se e complete seu CV voluntário.

Ajudando.org na web

Artigos de Interesse

7 dicas para fazer trabalho voluntário

Ser um voluntário é uma ótima maneira de ajudar as pessoas e fazer a diferença em sua comunidade. Confira 7 dicas de como ser um voluntário

Ler artigo completo

5 razões para se voluntariar se você não está trabalhando

Perder o emprego deixa qualquer pessoa desmotivada e preocupada com os períodos sem explicação no currículo. Saiba como resolver o problema se voluntariando para alguma causa

Ler artigo completo

Alunos voluntários do ITA mantém cursinho pré-vestibular

"As listas ainda estão sendo publicadas, mas já contabilizamos mais de 200 aprovações nos vestibulares realizados em 2011", informa Lucas de Brito Rocha, presidente do Curso Alberto Santos Dumont Vest

Ler artigo completo

Ver todas as notícias

Pesquisa

Quando foi a última vez que foi voluntário(a)?

Ver pesquisas anteriores

Ir ao topo da página